Just another WordPress.com site

>Armando Babaioff finalmente vai dar uns pegas no André Arteche, mas…

>
Thales (Armando Babaioff) e Julinho (André Arteche) vão ficando cada vez mais próximos em Saquarema. Depois de passarem o dia na praia, os dois aproveitam a noite em um quiosque.

Eles conversam e se divertem juntos, mas quando Thales faz um elogio ao sorriso do cabeleireiro, Julinho se retrai e diz que está cansado.

O surfista explica que não sabia que ele vinha, por isso acabou reservando só um quarto no hotel. Julinho fala que vai ter que achar um hotel para ele, mas Thales logo corta.

“Para de se defender! Eu gosto de você! E quero ficar com você! E acho que, se você não quisesse ficar comigo, não tinha vindo até aqui…”, afirma.

Julinho fica meio travado, mas Thales diz que ele sabe sim o que quer. Não perca! A cena irá ao ar na sexta-feira, 25 de fevereiro.

Mas…

Julinho (André Arteche) finalmente cedeu aos encantos de Thales (Armando Babaioff)! Na viagem para Saquarema, os dois dormem juntos. No entanto, na manhã seguinte, o cabeleireiro acorda e percebe que está sozinho.

Ele nota um bilhete do surfista: “Fui surfar. Saí muito cedo, não quis te acordar. Depois a gente se vê. Beijo”.

O cabeleireiro não consegue disfarçar o descontentamento, mas, mesmo assim, sai para procurar Thales. Ele entra em uma loja de moda praia e dá de cara com o surfista conversando com amigos.

Julinho vai pegar na mão de Thales com carinho, mas é surpreendido pela indiferença do amigo. “Você me dá uma horinha, cara? Preciso conferir uns papéis!”, pede o marido de Jaqueline, enquanto o cabeleireiro fica chocado.

A cena vai ao ar na sexta-feira, 25 de fevereiro.

3 responses

  1. Tom

    >Vida de homossexual no armário é triste. Situações como essa se tornam comuns… e colocam você numa espécie de 'paredão', com duas opções: ou a coragem ou a covardia!

    February 23, 2011 at 9:43 pm

  2. >Pois é assim mesmo! Passada a emoção da noite de amor, bofes não resolvidos tipo o personagem thales passam a tratar o objeto de sua afeição como um "colega" apenas1 e, neste clima, dá tapinha nas costas e chama o parceiro de colega…CONHEÇO BEM A CENA! que pena que a volta pro armário seja algo quase que automático pra esses bofes que QUEREM, mas não assumem QUE QUEREM!!! Uma lástima… Tony-B.H.

    February 26, 2011 at 1:03 am

  3. >Esse Julinho é como a maioria: durante o dia é macho, ele podia ate ter uma namorada ou se casar, e aí a noite depois de deixar a namorada em casa ou a esposa vendo tv, ele sai e vai dar o rabo pra algum macho.Ele é o tipico gay brasileiro, onde a maioria é enrustida e aposto que ainda fala com os outros: odeio viado!

    February 26, 2011 at 11:59 pm

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s